• A maioria da carga será composta por equipamento médico e de protecção individual
  • Aproveitando a rede global da DHL e o hub logístico do Dubai esta solução vem preencher uma lacuna actual no trânsito global de mercadorias provenientes da China


DUBAI, EMIRADOS ÁRABES UNIDOS - Media OutReach - 21 de abril de 2020 - A DHL Global Forwarding lançou um serviço de frete aéreo semanal para o carregamento de 100 toneladas de mercadoria proveniente da China, grande parte composta de produtos médicos e de protecção individual, com destino a governos e organizações de toda a África e Médio Oriente.



 

Como forma de capitalizar a localização geo-estratégica do Dubai, a porta de entrada para os países da região, a DHL, o principal fornecedor internacional aéreo, marítimo e rodoviário a nível global, vai assegurar o fornecimento de carga oriunda da cidade chinesa de Guangzhou e o respectivo transporte aéreo a partir do Dubai com direcção aos vários destinos de todo o continente africano e Médio Oriente. E tudo num prazo de dois a três dias!

 

"A DHL Global Forwarding está a reforçar o suporte logístico para os seus clientes na região que necessitam de garantir cadeias de suprimentos estáveis, especialmente de material clínico, durante este período crítico. Com os inúmeros cancelamentos de voos que sobrecarregaram a capacidade de frete aéreo um pouco por todo o mundo, continuamos comprometidos em alavancar as nossas capacidades, a nossa rede global e apresentar soluções personalizadas para garantir que bens e serviços prioritários continuem a chegar a pessoas e comunidades de toda a África e Médio Oriente", diz Amadou Diallo, CEO da DHL Global Forwarding para o Médio Oriente e África.

 

Com a sua localização geográfica e infra-estrutura de enorme qualidade, o Dubai é um hub logístico de excelência que desempenha um papel fundamental como ponto de passagem entre a China, África e toda a região do Médio Oriente.

 

Sendo África o terceiro maior parceiro comercial de Dubai em termos de volume de carga transitada, o comércio não petrolífero com o Dubai tem crescido exponencialmente na última década, representando 10,5% do comércio externo não petrolífero total do Emirado em 2018.

 

Designado a partir da palavra Nguni Bantu, ubuntu ("humanidade") usado em todo o continente africano para se referir ao vínculo universal de partilha, o "UbuntuConnect" refere-se à faixa comercial entre China e África, na qual se espera agora que circule grande parte da carga transitada, que compreende equipamentos de protecção pessoal, como máscaras, luvas, desinfectantes para as mãos e óculos de protecção.

 

Da mesma forma, parte da carga irá para outros países do Médio Oriente para suprir as mais diversas lacunas ao nível da demanda que se têm registado.

 

Esta rota estará em operação durante quatro semanas a partir do dia 21 de Abril e, nesse sentido, a DHL Global Forwarding está a procurar activamente a assegurar mais rotas para toda a África e aumentar a capacidade de tráfego para o Médio Oriente e continente africano no longo prazo.

 

Talk to Media OutReach today

Let Media OutReach help you achieve your communication goals. Send an email to info@media-outreach.com or click below. You will receive a response within 24 hours.

Contact us now